Prof. Juliano Ramos

Prof. Juliano Ramos

Consultor Linux

© 2020

Dark Mode

Quebrar senhas com John the Ripper

Você tem certeza de que seus usuários estão trabalhando com senhas seguras em seus servidores linux? Se não. Deixe o “estripador” responder.

passwords

Eu demonstrarei o uso da ferramenta como um meio de testar as senhas de seus usuários em um servidor interno. O uso desta ferramenta fora desta intenção pode ter implicações legais.

A instalação

John the Ripper, pode ser instalado em praticamente todas as distribuições, no caso do Debian/Ubuntu e derivados, abra um terminal e digite:

sudo apt-get install john -y

Precisamos também de uma lista de palavras, para o John testar. No google encontrei com facilidade várias listas deste tipo. Mas existe uma no repositório.

sudo apt-get install wportuguese

Mesclar o arquivo shadow com passwd

O primeiro passo é unir o arquivo shadow com passwd. Para isto, executamos:

/usr/sbin/unshadow /etc/passwd /etc/shadow > /tmp/crack.senhas.db

Agora, execute o comando:

john /tmp/crack.senhas.db

Este comando leva um bom tempo, hora do café. Apertando alguma tecla ele vai informando o status e se já conseguiu quebrar alguma senha.

Meus usuários e suas senhas 123…

Crie um usuário com senha do tipo “123456” acreditem, eu tinha alguns destes. O John pegou em 15 segundos. Quando o John terminar de executar, ele vai criar um log. Você visualiza com:

john --show /tmp/crack.senhas.db

Conclusão

Use esta ferramenta com responsabilidade. Ela é importante para garantirmos uma melhor segurança para nossos servidores. Usar de forma irresponsável, pode garantir a você, sérios problemas.

Commits:

  • Edição do texto: 16/06/2020 - 14:00
  • Editado erro na refência do arquivo crack.senhas.db - 16/06/2020 - 14:19 (leitor Marcos, informou).

Veja também: