Microsoft edge no Linux

Já fez algum tempo que a Microsoft vem ofertando alguns dos seus aplicativos para o Linux. Temos o Microsoft Teams que funciona de forma igual no Linux, assim como o Microsoft Visual Studio Code. O Edge, navegador WEB padrão no Windows 10, também está sendo migrado 100% ao sistema do pinguim. Eu estou utilizando ele neste último mês e posso dizer que já está bem estável, mesmo sendo uma versão de desenvolvedor.

No Linux temos diversas opções para navegador WEB, um destaque para o Opera, Chrome, Firefox e Vivaldi. O Edge que é baseado em outro navegador que roda liso no Linux, o Chromium (versão da comunidade, do chrome) agora vai fazer parte deste leque de opções.

Minha experiência com o Edge

Faz dois meses que estou usando o Edge como navegador padrão no Linux. Neste tempo, aconteceu algumas atualizações importantes, como a possibilidade de se realizar sincronização com a conta Microsoft.

Mas por que sincronizar?

Muita gente não gosta de armazenar seu histórico de busca, senha e lista de favoritos nos servidores da Microsoft, assim como não o fazem nos servidores do Google quando usam o Chrome. Eu entendo e respeito. Eu, porém, não consigo imaginar, usando outro computador e não tendo acesso aos meus favoritos e histórico de sites. Quando o Edge permitiu a sincronização, foi um alívio para mim.

Sincronização no Edge

Está tudo igual à versão para Windows?

Sim! eu utilizei o Edge no Windows 10 e posso dizer que não tem diferença alguma usar nesta ou naquela plataforma. Do mesmo modo que ocorre com o Microsoft Teams ou Microsoft Visual Studio Code. Eu tenho que parabenizar a Microsoft, que já que vai migrar, está migrando direito.

Site Microsoft Insiders – Edge Linux

No site para download do Edge para Linux (https://www.microsoftedgeinsider.com/en-us/download/?platform=linux) temos o anúncio que uma versão Beta está chegando. Mas isto está lá, desde que o site foi criado. Pelo que vejo na versão em Desenvolvimento, não vai demorar muito, já que está, está muito estável.

Como instalar?

Faça download da sua versão (Deb – Debian/Ubuntu/Mint) ou (RPM – Fedora/Opensuse) no link abaixo:

https://www.microsoftedgeinsider.com/en-us/download/?platform=linux

No caso de Debian/Mint/Ubuntu/Deepin, execute:

# sudo apt install ./microsoft...deb 

Coloque o nome completo do pacote. Para Fedora/Opensuse:

# sudo rpm -ivh microsof...rpm

O que eu tenho gostado nele?

Como a base é o chromium, já sabemos que ele é compatível com quase tudo que está na WEB hoje em dia. O que difere ele do Chrome, por exemplo, é o visual mais agradável (em minha opinião) com diversos temas embutidos, o sistema de coleções (um favorito mais simpático) e a facilidade para se tirar screenshots.

Também é possível colocar as abas do lado esquerdo. E comprimir. Eu particularmente não me acostumei.

Sobre os temas, os temas comuns funcionam tranquilo, porém, a opção “Descobrir mais temas” te leva para o site e até instala os disponíveis por lá, mas não funcionaram para mim.

Aliás, quando eu tentei estes temas da opção (descobrir mais temas) foi a primeira vez que o Edge apresentou um “bug”, ele se reiniciou sozinho e não perdi nada, este texto, por exemplo. Mas, entendi, que estes temas “exclusivos” devem exigir alguma função do Windows, não disponível.

Conclusão

Ainda é cedo para dizer que o Edge será meu navegador padrão. Eu tenho o canal do youtube, e fico dependente do Chrome para muita coisa. Mas é bom saber que pelo menos em Apps on-line, não teremos mais problemas de compatibilidade. Aliás, estou neste momento terminando um projeto no Azure e alimtando uma planilha no Office 365 com o Edge. E pelo Linux.

Print Friendly, PDF & Email